CONMEBOL TV

Corinthians Tri-Campeão da Libertadores

O Corinthians conquistou, neste domingo(21/11), seu terceiro título da Copa Libertadores da América Feminina.

O jogo foi no lendário estádio Gran Parque de Montevidéu, local da primeira partida da Copa do Mundo de 1930.

E as “Brabas” do Timão fizeram bonito: venceram o Independiente Santa Fe, da Colômbia, por 2 a 0.

Mas antes da bola rolar, mais um gesto antirracista: jogadoras ergueram os punhos cerrados com um dos joelhos ao chão em forma de protesto.

Adriana em gesto antirracista na final da Libertadores

Em campo, a bola rolou sob uma temperatura de 30 graus e a vitória foi construída toda no primeiro-tempo.

Numa jogada iniciada por Adriana, num contra-ataque, ela mesma recebeu o passe de Portilho na área para marcar de cabeça: 1 x 0.

As “Leonas” não se intimidaram e partiram para cima, mas não conseguiram marcar.

No finalzinho, aos 41 minutos, Tamirez avançou pela esquerda e cruzou para Gabi Portilho fazer o segundo: 2 x 0.

As duas equipes voltaram para o segundo-tempo com a mesma vontade, mas à medida em que o tempo passava, o cansaço parecia bater.

Apesar dos esforços de ambos os lados, ninguém conseguiu converter os chutes em gols.

CORINTHIANS TRI-CAMPEÃO

Campeãs em 2017 e 2019, as “Brabas” podem ser chamadas agora de Tri-Campeãs da América!

Esse feito corintiano se iguala ao do São José, que levou os títulos de 2011, 2012 e 2013.

Poliana, Cacau e Grazi, por sinal conquistaram o tetra-campeonato delas.

Com a conquista, o Corinthians leva prá casa 85 mil dólares em prêmios, cerca de 476 mil reais.

O tri-campeonato da Libertadores coroa uma campanha irrefutável, com 100% de aproveitamento.

Foram seis jogos e seis vitória. 24 gols marcados e apenas dois sofridos.

FICHA TÉCNICA

SANTA FE 0 x 2 CORINTHIANS

Local: Estádio Gran Parque Central, em Montevidéu, no Uruguai

Data: 21 de novembro de 2021, domingo

Árbitra: Maria Laura Fortunato (ARG)

Assistentes: Mariana de Almeida (ARG) e Daiana Milone (ARG)

VAR: Salome Di Iorio (ARG)

Cartão amarelo: Yasmin (Corinthians)

GOLS: Corinthians: Adriana (aos 9 do 1º tempo) e Gabi Portilho (aos 41 do 1º tempo)

SANTA FE: Tapia; Gutierrez (Ramos), Rangel, Ramos e Acosta; Salazar, Robledo e Gauto; Romero (Chacón), Guarecuco (Peña) e Celis (Cuesta).
Técnico: Albeiro Erazo

CORINTHIANS: Kemelli; Katiuscia (Poliana), Giovanna Campiolo, Yasmim e Juliete; Gabi Portilho (Andressinha), Diany (Ingryd), Gabi Zanotti e Tamires (Grazi); Victoria Albuquerque (Jheniffer) e Adriana.
Técnico: Arthur Elias